04 julho 2018

Desafio Ei Carol, Leia!


Quem é vivo sempre aparece, né? Eu posso até demorar, mas sempre volto pra esse cantinho cheio de amor. Mas calma que a minha ausência é por um bom motivo, ótimo motivo na verdade. Logo logo vocês saberão. 😉

Já deu pra perceber que eu tô tentando tudo que é coisa pra dar aquele ânimo para ler mais e diminuir a minha meta de leitura, né? E como a TBR é mais rigorosa quanto às leituras porque precisa ser somente de livros que eu já possuo, resolvi montar uma lista com temas de livros que eu gostaria de ler e resultou nesse desafio literário, que eu nomeei de Desafio Ei Carol, Leia! (referência ao antigo nome do blog, quando ainda era um blog literário). 

E inspirada pelo Projeto Leia Mulheres, decidi que vou tentar ler o máximo de livros escritos por mulheres que eu conseguir. Criei também algumas regrinhas, para me organizar melhor. E se você quiser participar também, só vem!

Regras: 
- A primeira e principal regrinha do desafio é tentar dar preferência a livros escritos por mulheres. Sim! Vamos apoiar as mulheres que ainda hoje precisam ralar muito mais para terem seus trabalhos reconhecidos. #leiamulheres
- A segunda regrinha é: se for participar do desafio, por favor linke o post direcionando pra cá e me avise! Vou amar acompanhar as suas leituras também!
- A terceira e última regrinha é: Se divirta!

  1. Um livro que você esteja querendo ler há mais de dois anos: Corte de Espinhos e Rosas, vol 1 da trilogia Corte de Espinhos e Rosas - Sarah J. Maas
  2. Um livro que você escolheu pela capa: 
  3. Um livro que todos leram, menos você: 
  4. Um livro que sua mãe ama: 
  5. Um livro censurado/banido: 
  6. Um livro escrito por uma mulher feminista: 
  7. O primeiro livro de uma série que você nunca leu: 
  8. Um livro que está abandonado na sua estante: 
  9. Um livro que contenha um assassinato: 
  10. Um livro sobre crime que tenha sido baseado em fatos reais: 
  11. Um livro envolvendo um roubo: 
  12. Um livro inserido em um país que te fascina: 
  13. Um livro com uma hora do dia no título: 
  14. Um livro sobre um vilão ou um anti-herói: 
  15. Um livro sobre morte ou luto: 
  16. Um livro de uma autora que usa um pseudônimo masculino: 
  17. Um livro com um protagonista LGBTQ+: 
  18. Um livro sobre saúde mental: 
  19. Um livro com a sua cor favorita no título: 
  20. Um livro com um elemento climático no título: 
  21. Um livro que se passar na praia: 
  22. Um livro com um animal no título: 
  23. Um livro sobre ou que se passa no Halloween: 
  24. Um livro com personagens gêmeos: 
  25. Um clássico infantil que você nunca leu: 
  26. Um livro que se passa na década que você nasceu: 
  27. Um livro que envolva uma livraria ou biblioteca: 
  28. Um livro que estava sendo lido por uma estranha em um lugar público: 
  29. Um livro de uma autora com o mesmo sobrenome que o seu 
  30. Um livro de Ação 
  31. Um livro de Apocalipse Zumbi 
  32. Um livro de Auto-ajuda 
  33. Um livro de Aventura 
  34. Um livro de Autobiografia 
  35. Um livro de Contos ou Crônicas 
  36. Um livro de Chick-Lit 
  37. Um livro de Clássicos da Literatura Brasileira  
  38. Um livro de Clássico Esquecido da Literatura Mundial
  39. Um livro de Distopia 
  40. Um livro de Drama 
  41. Um livro de Graphic Novel 
  42. Um livro de História em Quadrinhos (HQ) 
  43. Um livro de Fantasia
  44. Um livro de Ficção Científica 
  45. Um livro de Infanto-Juvenil 
  46. Um Mangá 
  47. Um livro de New Adult 
  48. Um livro de Paródia 
  49. Um livro de Poesias 
  50. Um livro de Romance de Época 
  51. Um livro de Romance Erótico 
  52. Um livro de Romance Policial 
  53. Um livro de Sick-Lit 
  54. Um livro de Sobrenatural 
  55. Um livro de Suspense 
  56. Um livro de Terror 
  57. Um livro de Young Adult 
  58. Um livro de Pós-apocalíptico 
  59. Um livro de até 100 páginas 
  60. Um livro de até 200 páginas 
  61. Um livro de até 300 páginas 
  62. Um livro de até 400 páginas 
  63. Um livro de até 500 páginas 
  64. Um livro com mais de 600 páginas 
  65. Um livro publicado há mais de 100 anos 
  66. Um livro publicado em 1994 
  67. Um livro publicado em 2000 
  68. Um livro publicado em 2001 
  69. Um livro publicado em 2002 
  70. Um livro publicado em 2003 
  71. Um livro publicado em 2004 
  72. Um livro publicado em 2005 
  73. Um livro publicado em 2006 
  74. Um livro publicado em 2007 
  75. Um livro publicado em 2008 
  76. Um livro publicado em 2009 
  77. Um livro publicado em 2010 
  78. Um livro publicado em 2011 
  79. Um livro publicado em 2012 
  80. Um livro publicado em 2013 
  81. Um livro publicado em 2014 
  82. Um livro publicado em 2015 
  83. Um livro publicado em 2016 
  84. Um livro publicado em 2017 
  85. Um livro publicado em 2018 
  86. Um livro publicado em 2019
  87. Um livro que envolva culinária 
  88. Um livro preferido de um amigo 
  89. Um livro sobre livros 
  90. Um livro com personagem com mania de organização 
  91. Um livro com muitas viagens 
  92. Um livro que envolva esportes 
  93. Um livro com personagem que compre muito 
  94. Um livro com personagens que não são humanos 
  95. Um livro vencedor do Prêmio Jabuti 
  96. Um livro vencedor do Prêmio Nobel 
  97. Um livro vencedor do Prêmio Pulitzer 
  98. Um New York Times Bestseller 
  99. Um livro que esteja no Top Mais Lidos do Skoob 
  100. Um livro que está em último na lista de leitura 
  101. Um livro baseado em fatos reais 
  102. Um livro que você ganhou de presente 
  103. Um livro sobre vingança 
  104. Um livro sobre histórias de superação 
  105. Um livro onde a história se passa em um lugar que sempre quis visitar 
  106. Uma trilogia 
  107. Um livro com triângulo amoroso 
  108. Um livro ambientado no ensino médio 
  109. Um livro que você tem, mas ainda não leu 
  110. Um livro que foi baseado ou que deu origem a uma série de TV
  111. Um livro que foi baseado ou que deu origem a um filme 
  112. Um livro que começou, mas nunca terminou 
  113. Um livro que tenha bruxas 
  114. Um livro que tenha dragões 
  115. Um livro que tenha fadas 
  116. Um livro que tenha sereias 
  117. Um livro que tenha unicórnios 
  118. Um livro que tenha vampiros 
  119. Um livro que tenha lobisomens 
  120. Um livro que tenha zumbis 
  121. Um livro que tenha cachorros 
  122. Um livro que tenha gatos
  123. Um livro que você sempre quis ler 
  124. Um livro que você leu na escola 
  125. Um livro que você acha a capa feia 
  126. Um livro de uma série 
  127. Um livro muito criticado 
  128. Um livro que te indicaram 
  129. Um livro da sua infância 
  130. Um livro emprestado de um amigo 
  131. Um livro escrito por uma mulher 
  132. Um livro de uma autora brasileira 
  133. Um livro protagonizado por uma mulher 
  134. Um livro da sua autora preferida 
  135. Um livro com uma mulher transsexual 
  136. Um livro com uma mulher bissexual 
  137. Um livro com uma mulher homossexual 
  138. Um livro com uma personagem feminina que seja uma figura de poder 
  139. Um livro escrito por duas (ou mais) mulheres 
  140. Um livro com uma protagonista negra 
  141. Um livro de uma autora do seu estado 
  142. Um livro de uma autora que te inspira 
  143. Um livro com uma amizade forte entre mulheres 
  144. Um livro de uma autora que você nunca leu 
  145. Um livro com a sua heroína preferida 
  146. Um livro com uma protagonista que superou abusos físicos e/ou emocionais 
  147. Um livro escrito por uma celebridade 
  148. Um livro que a protagonista que é uma vilã 
  149. Um livro publicado de forma independente 
  150. Um livro censurado/banido 
  151. Um livro polêmico 
  152. Um livro subestimado 
  153. Um livro mind fucking 
  154. Um livro chocante 
  155. Um livro que contenha referências musicais 
  156. Um livro que você ainda não leu, mas já assistiu à adaptação 
  157. Um livro para ler antes de dormir 
  158. Um livro com resenhas negativas 
  159. Um livro que comprou pelo preço e ainda não leu 
  160. Um livro que você escolheu pelo título 
  161. Um livro cujo título seja um ou mais nomes próprios 
  162. Um livro com o nome de algum conhecido seu no título 
  163. Um livro de uma autora que já morreu 
  164. Um livro recomendado por alguém 
  165. Um livro recomendado por um amigo 
  166. Um livro recomendado por uma bibliotecária 
  167. Um livro recomendado por uma autora que você ama 
  168. Um livro que você tem há muito tempo e nunca leu 
  169. Um livro cujo título seja um ou mais nomes próprios 
  170. Um livro com o nome de um personagem como título 
  171. Um livro de uma autora que sua mãe ama
  172. Um livro recomendado por alguém 
  173. Um livro recomendado por um amigo 
  174. Um livro recomendado por uma bibliotecária 
  175. Um livro recomendado por uma autora que você ama 
  176. Um livro que você tem há muito tempo e nunca leu 
  177. Um livro escrito por alguém com menos de 20 anos 
  178. Um livro escrito por alguém com menos de 30 anos 
  179. Um livro escrito por alguém com menos de 40 anos 
  180. Um livro escrito por alguém com menos de 50 anos 
  181. Um livro para acabar em um dia 
  182. Um livro que se passa no futuro 
  183. Um livro que você não conseguiu terminar 
  184. Um livro que muitas pessoas querem uma continuação 
  185. Um livro que você acabou de comprar 
  186. Um livro escrito por alguém que você conhece 
  187. Um livro que é citado em outro livro 
  188. Um livro famoso do momento 
  189. Um livro de uma autora elogiada por uma escritora de quem você gosta 
  190. Uma releitura 
  191. Um livro da biblioteca pública 
  192. Um livro de uma série/saga, ou um livro que finalize uma 
  193. O último comprado 
  194. Um livro cujo autor tenha o mesmo primeiro nome que o seu 
  195. Um livro sobre um acontecimento histórico 
  196. Um livro que está na sua lista de desejos há muito tempo 
  197. Um livro com publicações de cartas 
  198. Um livro que é uma história dentro de uma história 
  199. Um livro sobre espionagem 
  200. Um livro que envolva viagem 
  201. Um livro que você leu há muito tempo, mas que sempre te faz sorrir 
  202. Um livro sobre comida 
  203. Um livro sobre uma perspectiva não humana 
  204. Um livro com uma história que se passa no deserto 
  205. Um romance ambientado durante a guerra 
  206. Um livro cujo personagem principal tem uma etnia diferente da sua 
  207. Um livro ambientado em dois tempos/períodos diferentes 
  208. Um livro ambientado em um hotel 
  209. Um livro que tenha a ver com um feriado que não seja o Natal 
  210. Um livro sobre um imigrante ou refugiado 
  211. Um livro de sebo ou fruto de troca 
  212. Um livro sobre um assunto difícil 
  213. Um livro baseado em mitologia 
  214. Um livro que esteja há mais de 1 ano parado na sua estante 
  215. Um livro com tema natalino 
  216. Um livro sobre Holocausto 
  217. Um livro com Serial Killer 
  218. O primeiro livro de uma autora popular 
  219. Um livro de uma autora que você ama, mas ainda não leu 
  220. Um livro de uma autora que você nunca leu antes 
  221. Um livro que você não sabe por que tem 
  222. Um livro que se passa no exterior onde você deseja ir 
  223. Um livro que se passa no Brasil 
  224. Um livro baseado em contos de fadas 
  225. Um livro que se passa em uma ilha 
  226. Um livro escrito por um(a) comediante 
  227. Um livro comprado em uma promoção
  228. Um livro recomendado por alguém da sua família 
  229. Um livro cujo protagonista tenha a mesma ocupação que você 
  230. Um livro que alguém disse “Mudou minha vida!” 
  231. Um livro sobre uma cultura que você não esteja familiarizado 
  232. Um livro que te trouxe alegria 
  233. Um livro que você pegou emprestado 
  234. Um livro que parece que só você conhece
  235. Um livro que aparece em algum filme ou série 
  236. Um livro que tenha algum personagem com transtornos mentais 
  237. Um livro que todo mundo diz que merece uma chance mas você acha que não 
  238. Um livro que algum amigo te enche o saco pra ler 
  239. Um livro que você não sabe a sinopse, ou do que se trata 
  240. Um livro que alguém escolheu por você 
  241. O último livro de uma autora que já morreu 
  242. Um livro que abandonou e quer dar outra chance 
  243. Um livro que você deveria ter lido na escola e não leu 
  244. Um livro que se passe em sua cidade natal 
  245. Um livro para sair da sua zona de conforto
  246. Um livro com palavrão no título
  247. Um livro que só tenha em ebook
  248. Um livro que você comprou/ganhou usado
  249. Um livro com um hype antigo (que já fez sucesso há muito tempo)
  250. Ler um livro nacional da atualidade (que foi publicado nos últimos 5 anos)
Carol Rocha

Carol Rocha, Grifinória, Wonder Woman, Sakura Card Captors e unicórnios. Tenho uma playlist para cada momento da minha vida, jogo The Sims™ desde sempre, coleciono livros e tarôs e sonho em ter uma biblioteca em casa. A vida pode estar um caos, mas os meus livros estão sempre organizados.

04 maio 2018

Minha meta de leitura para maio


O Infinistante é o clube do livro mais amorzinho dessa internet e foi criado pela Mel, a Loma e a Maki! O objetivo é fazer leituras em conjunto, trocar impressões, debater sobre os assuntos envolvidos nas histórias e principalmente motivar a leitura de pelo menos um livro por mês. E o mais incrível é que os livros são escolhidos justamente para fazer com que a gente saia da nossa zona de conforto.

O clubinho já está rolando desde fevereiro, mas não consegui acompanhar as leituras por causa da mudança pra casa nova e o período de adaptação que foi um pouco complicado. Mas agora tudo está entrando nos eixos por aqui e tô voltando a fazer as duas coisas que mais amo: ler e blogar! Pretendo encaixar os livros dos meses anteriores nas minhas próximas leituras, e aí vou postando as resenhas por aqui. Fica de olho!

Já estamos em maio, e esse mês teremos dois livros como opção de leitura. O Para Poder Viver, da Yeonmi Park e o K-POP: Manual de Sobrevivência, das autoras Babi Dewet,‎ Érica Imenes e Natália Pak. Para esse mês eu escolhi o Para Poder Viver (pretendo ler o outro livro futuramente).

Título: Para Poder Viver
Título Original: In Order to Live
Autora: Yeonmi Park
Gênero: Autobiografia / Literatura Estrangeira
Número de Páginas: 328 páginas
Ano de Publicação: 2016
Editora: Companhia Das Letras
Skoob | Compre pela Amazon

Sinopse: "Em narrativa memorável, uma jovem norte-coreana conta como escapou de uma das mais sanguinárias ditaduras do planeta. Yeonmi Park não sonhava com a liberdade quando abandonou a Coreia do Norte. Mas sabia que fugir era a única maneira de sobreviver à fome, às doenças e ao governo repressor. Este livro é a história da luta de Park pela vida. O leitor acompanha sua infância no país mais sombrio do mundo. Em seguida, testemunha sua fuga, aos treze anos, pelo submundo chinês de traficantes e contrabandistas. Emociona-se com seu périplo pela China através do deserto de Gobi até a Mongólia, guiada pelas estrelas, em direção à Coreia do Sul. Vibra com seu papel como ativista pelos direitos humanos. Antes dos 21 anos, Yeonmi acumulou experiência suficiente para encantar todas as gerações de leitores neste livro memorável."

Ontem tivemos a primeira Live no Youtube para discutirmos sobre o livro de abril \o/ (eu fiquei só assistindo mesmo, porque ainda não li) e já posso dizer que estou muito feliz em participar desse clube do livro, pois tenho a oportunidade de conhecer um pouco mais desse trio amorzinho que eu admiro bastante.

Estou super empolgada para começar essa leitura! E se você também quiser participar, é só se inscrever.

E além da leitura pro Infinistante, quero retomar a leitura de 3 séries que estão entre as minhas favoritas: Harry Potter, House of Night e Instrumentos Mortais. Eu sou suspeita pra falar, porque adoro quando o livro tem uma continuação, e consequentemente, quase todas as minhas leituras são de séries, trilogias ou duologias. Essas três séries especificamente, eu comecei a ler há muito tempo e quero muito continuar lendo (relendo, no caso de Harry Potter e Os Instrumentos Mortais).

Ainda no ano passado eu comecei a releitura dos livros da minha saga preferida, Harry Potter. E agora estou no último livro (fora os outros que também pretendo ler: A Criança Amaldiçoada, os três livros da Biblioteca de Hogwarts e os três ebooks lançados pelo Pottermore)! Eu recomendo fortemente que todo mundo tenha essa experiência pelo menos uma vez na vida (ou 6, como eu!), essa saga tem tanto a nos ensinar e mesmo na releitura sempre temos algo a aprender, pois em cada capítulo há uma reflexão a ser feita.

Título: Harry Potter e as Relíquias da Morte
Título Original: Harry Potter and the Deathly Hallows
Série: Harry Potter - Vol 7
Autora: J. K. Rowling
Gênero: Fantasia
Número de Páginas: 551 páginas
Ano de Publicação: 2015
Editora: Rocco
Skoob | Compre pela Amazon

Sinopse: "Harry está aguardando na rua dos Alfeneiros. A Ordem da Fênix chegará em breve para transferi-lo, em segurança, do endereço de sua família trouxa, sem que Voldemort e seus seguidores saibam. A partir daí, o que Harry deverá fazer? Como será capaz de cumprir a missão, aparentemente impossível, que Dumbledore lhe deixou?"

Estou assistindo Shadowhunters na Netflix com o mozão, e nós amamos! Em vários momentos eu fico me lembrando de quando li os livros e o turbilhão de sentimentos que senti a cada capítulo. Mas como isso foi lá em 2016, sinto que já esqueci muitos detalhes e quando o mozão pergunta alguma coisa que eu já não me lembro (ele não leu os livros) fico meio frustrada, sabe? Além disso, parei no quinto volume, e quero muito continuar a série.

Por isso decidi reler os 5 volumes, para só então começar o sexto. E depois também quero ler As Crônicas de Bane e os outros livros que compõem esse universo maravilhoso que a Cassandra criou. Bora também?

Título: Cidade dos Ossos
Título Original: City of Bones
Série: Os Instrumentos Mortais - Vol 1
Autoras: Cassandra Clare
Gênero: Fantasia
Número de Páginas: 476 páginas
Ano de Publicação: 2010
Editora: Galera Record
Skoob | Compre pela Amazon

Sinopse: "Um mundo oculto está prestes a ser revelado... Quando Clary decide ir a Nova York se divertir numa discoteca, nunca poderia imaginar que testemunharia um assassinato - muito menos um assassinato cometido por três adolescentes cobertos por tatuagens enigmáticas e brandindo armas bizarras. Clary sabe que deve chamar a polícia, mas é difícil explicar um assassinato quando o corpo desaparece e os assassinos são invisíveis para todos, menos para ela. Tão surpresa quanto assustada, Clary aceita ouvir o que os jovens têm a dizer... Uma tribo de guerreiros secreta dedicada a libertar a terra de demônios, os Caçadores das Sombras têm uma missão em nosso mundo, e Clary pode já estar mais envolvida na história do que gostaria."

Em abril comprei mais um livro da série House of Night pra minha coleção, o Manual do Novato 101 (por inacreditáveis 8 foratemers! Comprei pelo Estante Virtual. custou 8 reais e veio ainda lacrado, ou seja novinho!). Ele é pequeninho, tem 157 páginas, mas fiquei absolutamente encantada com cada detalhe do livro (em breve vou mostrar ele em outro post!) e isso me deu uma vontade enorme de continuar lendo a série. House of Night tem 12 livros, e eu parei no terceiro volume lá em 2016 (já fiz resenha dos dois primeiros livros, Marcada Traída). Mas não irei reler esses dois, porque após reler as minhas resenhas consegui me lembrar dos detalhes da história.

Título: Escolhida
Título Original: Chosen
Série: House of Night - Vol 3
Autoras: P. C. Cast e Kristin Cast
Gênero: Fantasia
Número de Páginas: 295 páginas
Ano de Publicação: 2009
Editora: Novo Século
Skoob | Compre pela Amazon

Sinopse: "No terceiro livro da série House of Night, forças escuras estão trabalhando na House of Night e a vampira novata Zoey Redbird terá aventuras misteriosas em torno da escola. Aqueles que parecem ser amigos estão se transformando em inimigos.
E curiosamente, os inimigos jurado estão se transformando em amigos. Assim começa o terceiro volume emocionante desta série "altamente viciante" na qual o vigor de Zoey será testado como nunca. Sua melhor amiga, Stevie Rae, está lutando para manter um controle sobre sua humanidade.
Zoey não tem uma pista de como ajudar, mas ela sabe que qualquer coisa que ela e Stevie Rae descobrem deve ser mantido em segredo de todo o mundo na House of Night, onde confiança se tornou um artigo raro. Falando de raro: Zoey se acha na posição muito inesperada e rara de ter três namorados.
Misture um pequeno sangue e luxúria na equação e a situação tem o potencial para virar um verdadeiro desastre social. Porém quando parece que as coisas não podem ficar piores, vampiros começam a aparecer mortos. Realmente mortos. Parece que as Pessoas de fé e o padrasto horrendo de Zoey em particular, estão cansados de viver lado a lado com vampiros.
Mas, como Zoey e os amigos dela descobrem freqüentemente, as coisas parecem raramente refletir a verdade..."

Estou bem empolgada para a leitura desses livros! E você, quais os livros que você pretende ler ou está lendo no momento? Me conta aí nos comentários!
Carol Rocha

Carol Rocha, Grifinória, Wonder Woman, Sakura Card Captors e unicórnios. Tenho uma playlist para cada momento da minha vida, jogo The Sims™ desde sempre, coleciono livros e tarôs e sonho em ter uma biblioteca em casa. A vida pode estar um caos, mas os meus livros estão sempre organizados.

03 abril 2018

O que eu desejo para o meu 2018

Wallpaper Malipi

Antes de mais nada, uma pausa para enaltecer a maravilha que é essa ilustração feita pela Malipi (que inclusive uso de fundo na minha área de trabalho).

Agora vamos ao post né? Porque temos muita coisa pra conversar...

Esse post era pra ter sido feito no início do ano (já estamos no 4º mês WTF!), mas meu ano está começando agora (produtivamente falando, é claro) então é isso, segura na minha mão e vamos.

O que eu desejo para o meu 2018? 

Provavelmente você já se fez essa pergunta em algum momento, nos últimos 4 meses, não é mesmo?

Sabe aquela sensação maravilhosa que ocorre entre a última semana de dezembro e costuma rolar até mais ou menos a primeira quinzena de janeiro? É nesse momento em que fazemos mil metas, planos e criamos muitas expectativas para esse novo ano que tá chegando, uma nova vida cheia de possibilidades.

Mas daí os dias vão passando, e viram semanas e depois meses... e quantas metas de início de ano você já cumpriu?

Bateu a bad né?

E quando essa bad bate, a pior coisa que podemos fazer é nos compararmos às pessoas ao nosso redor. Cara, é uma cilada sinistrona e super difícil de sair. E aí que eu caí nessa bad, meus amigos.

Mas acabei me deparando com uma mensagem maravilhosa da Érika lá nos stories dela e me tocou de uma forma tão incrível que eu quis trazer aqui pro blog, assim sempre que essa bad bater vou reler.

Um recado para aqueles que se sentem frustrados por não estarem onde gostariam de estar:
Vênus e Marte são planetas, astros iluminados que giram ao redor do Sol. Um ano em Vênus dura cerca de 225 dias. Já em Marte, esse ano dura 687 dias. Mesmo com essa diferença, e talvez, justamente por ela, o universo funciona muitíssimo bem.
Perceba que se até um planeta possui um tempo específico para realizar certa atividade e que esse tempo difere do de outros que realizam atividade parecida. Por qual motivo você insiste em culpar-se por não estar em determinado lugar, ou realizando determinada atividade, só porque aquele amigo/primo/irmão já está nesse lugar e/ou fazendo essa determinada coisa?
Comparar-se com outra pessoa é se auto-sabotar. Somos planetas, distintos um dos outros, e o sol é a vida de um modo geral. Seu movimento de translação é único e diz respeito somente a você. Você não está atrasado, só está percorrendo o trajeto no seu devido tempo. Talvez você leve mais tempo, mas isso faz parte do que você é, faz parte do seu percurso.
Então, quando se sentir perdido e angustiado, só se realinhe e continue sua caminhada. Pois, no final, todos iremos circundar o sol.

Uau! Érika, eu te venero! Essa foi a reação que eu tive após ler essa mensagem. Pra mim ela foi como uma brisa fresca num dia extremamente quente e abafado, quase sufocante, sabe? Me fez refletir sobre o modo como eu estava enxergando a minha própria vida, e sobre o tanto que eu estava me cobrando por não estar vivendo a vida que eu planejei pra mim há 5 anos atrás.

Será que está rolando uma crise dos 25 anos por aqui? É bem provável que sim, afinal daqui a menos de um ano completarei 1/4 de século! E eu que sempre achei que precisava estar no controle de tudo na minha vida, seguindo as minhas listas e planejamentos, me vi tendo crises de ansiedade por não conseguir assumir o controle de alguns acontecimentos. 

Agora estou trabalhando dentro de mim esse pensamento de que cada um tem o seu próprio tempo pras coisas, e que tudo bem não ter o controle de tudo, sabe? Mas vamos um dia de cada vez, porque é uma tarefa bem difícil.

Uma publicação compartilhada por Luiza de Souza (@ilustralu) em


Tendo em mente essa realidade de que não dá pra ter o controle de tudo, decidi fazer metas mais realistas para o meu 2018 e evitar a tão habitual frustração.
  1. Parar de roer as unhas.
  2. Ler 12 livros. 
  3. Atualizar o blog com mais frequência.
  4. Voltar com o ateliê.
  5. Começar meu enxoval.
  6. Começar o planejamento do casamento.
  7. Organizar as coisas da minha casinha, carinhosamente apelidada por mim e pelo mozão de A Toca. #referência Entendedores entenderão!
  8. Passar mais tempo com a família.

Então é isso, bora tentar viver de forma mais leve? É o que eu quero pra 2018, e pra vida!
Carol Rocha

Carol Rocha, Grifinória, Wonder Woman, Sakura Card Captors e unicórnios. Tenho uma playlist para cada momento da minha vida, jogo The Sims™ desde sempre, coleciono livros e tarôs e sonho em ter uma biblioteca em casa. A vida pode estar um caos, mas os meus livros estão sempre organizados.

16 março 2018

Oi sumida!

Foto pessoal, favor não reproduzir
Esse é o Sherlock (que acabou virando Miu Miu, por conta da forma como ele mia kkkkk)

Toc, toc! Tem alguém aí? Finalmente consegui aparecer por aqui! Nossa, como é difícil voltar a escrever depois de muito tempo parada! Mas estou aqui e tenho várias atualizações para fazer, porque muita coisa aconteceu desde o último post. Vamos lá?

Primeiramente: Hoje o clima é de festa por aqui, porque é meu aniversário! Yay! Finalmente 24 anos! Tentei escrever esse post de retorno desde o início do ano, mas tinha muita coisa acontecendo por aqui e quando percebi meu aniversário já estava chegando! Aí decidi que não tinha data melhor pra voltar. Já que é pra comemorar, vamos comemorar direito não é mesmo? 


Outra novidade: Me mudei! Já estávamos organizando a mudança desde o fim do ano, mas só conseguimos mudar mesmo no carnaval. Aí já viu, né? Muita coisa pra organizar (ainda estamos nos adaptando ao novo bairro e à nova rotina) e fiquei 2 semanas sem internet (outro motivo que me fez adiar o retorno). Mas apesar das circunstâncias, no geral estamos felizes.

Outra coisa que aconteceu foi que no dia 22 de janeiro (3 semanas antes da mudança), eu estava na casa nova ajudando com algumas coisas quando caí na rua e lesionei o ligamento do tornozelo esquerdo. Isso mesmo, bem no meio da mudança eu me machuquei e o resultado disso foi quase 1 mês de repouso sem conseguir colocar o pé no chão. Aí no dia da mudança estava eu lá, de muletas sem poder ajudar com as caixas. Mas no fim deu tudo certo, e o mozão ajudou muito na mudança também. 

Agora já estou conseguindo andar sem muletas, mas ainda sinto um pouco de dor quando fico muito tempo em pé ou ando por muito tempo. Sem falar na insegurança de virar o pé novamente, né? O jeito é ir com calma, que aos poucos tudo vai voltando ao normal.

Mas vamo que vamo, porque agora voltei com tudo! Nesse tempo que fiquei de molho assisti muitos doramas, muitas séries, muitos filmes, joguei muito The Sims 4, fiquei in love com o mozão, me rendi ao Bullet Journal (e estou amando!), e li alguns livros. Ah, é! Nesse meio tempo também resgatamos uma gatinha filhote da rua. Logo mais falo dela por aqui.

Enfim, muita coisa, né? E claro que vai ter muito post por aqui! Tenho muitas coisas pra contar e estou cheia de ideias pra posts (alguns já estão até sendo escritos). Então fica de olho que agora vai ter post toda Segunda, Quarta e Sexta (assim espero!). 

Nossa, como eu estava com saudade desse cantinho! Beijo grande! 😘
Carol Rocha

Carol Rocha, Grifinória, Wonder Woman, Sakura Card Captors e unicórnios. Tenho uma playlist para cada momento da minha vida, jogo The Sims™ desde sempre, coleciono livros e tarôs e sonho em ter uma biblioteca em casa. A vida pode estar um caos, mas os meus livros estão sempre organizados.

01 dezembro 2017

O primeiro cabelo branco a gente nunca esquece

Finalmente dezembro chegou! Estou louca pro ano acabar logo, pois já deu né 2017? Estou morrendo de saudade de escrever aqui no blog, mas tem muita coisa acontecendo por aqui e com isso não estou tendo tempo (e confesso que às vezes nem ânimo) pra vir aqui escrever algo legal. Acontece né?

Mas o motivo desse post já deu pra perceber pelo título, né? Então se prepara para um post bem bobo, sim. Em novembro aconteceu algo que eu não esperava acontecer tão cedo, e eu queria deixar registrado aqui no blog (pra posteridade, bem coisa de velho mesmo kkkkkk): no dia 11 eu achei meu primeiro cabelo branco!


Foto com resolução horrorosa, mas é compreensível né? Na hora nem pensei em fazer post sobre isso. 🙈

E a minha reação diante desse acontecimento pode ser resumida em 3 etapas:


1º: Negação/Choque: "Impossível ter cabelo branco aos 23 anos, né? Claro, é impossível! Com certeza isso deve ter alguma explicação totalmente plausível. Não estou ficando velha, na verdade isso é uma ilusão de ótica!"


2º: Tristeza/Sensação de velhice precoce: "Estou ficando velha!!! Meu Deus, preciso cuidar melhor da minha saúde, passar uns creminhos anti rugas, beber mais água, marcar consulta naqueles médicos que nunca vou, fazer mais exercícios físicos... Meu deus, tô velha!



3º: Empolgação: "Será que vai demorar muito pra ficar toda grisalha? Cabelhinho, meu querido cabelinho, fica todo branco logo! Assim posso pintar o cabelo todo de rosa sem precisar descolorir!"

E o que eu fiz logo em seguida? Isso mesmo, arranquei o bendito fio branco. Se for verdade o que dizem, vai nascer 3 no lugar, não é mesmo?

Mas na real ter cabelo branco é algo super natural, e todos nós iremos passar por isso algum dia. Eu só não esperava encontrar o meu primeiro cabelo branco aos 23 anos de idade e por isso decidi registrar aqui. Esse pode até não ter sido um post interessante de se ler, mas a Carol do futuro vai morrer de rir quando reler isso. Então tá valendo!

Alguém aí já passou por isso? Me conta como foi a reação aqui nos comentários!
Carol Rocha

Carol Rocha, Grifinória, Wonder Woman, Sakura Card Captors e unicórnios. Tenho uma playlist para cada momento da minha vida, jogo The Sims™ desde sempre, coleciono livros e tarôs e sonho em ter uma biblioteca em casa. A vida pode estar um caos, mas os meus livros estão sempre organizados.

22 novembro 2017

TAG: Confissões de um viciado em livros


1. Livro impresso ou e-book?
Com certeza prefiro livro impresso, mas leio bastante ebook também. Eu tenho um critério para escolha: lançamentos ou livros que quero ler pra passar o tempo eu prefiro ler em ebook, mas livros  li e amei ou livros que tenho certeza que vou amar e que vou querer ter na minha biblioteca pessoal eu prefiro ter impresso. Esse é o meu foco atualmente, manter na minha biblioteca pessoal somente os livros com algum significado emocional. Assim, estou tentando desapegar de muitos livros que estão parados e diminuir o meu consumismo exagerado que chegou a sair do controle.

2. Qual é o livro que você mais leu?
Eu raramente releio livros, os únicos que sempre releio são os livros da saga Harry Potter porque é muito amor envolvido.

3. Qual é o estilo literário que é o seu preferido no momento?
Fantasia.

4. Qual é o estilo literário que você menos gosta?
Agora que parei pra pensar, eu realmente não sei. Tenho um gosto bem eclético.

5. Qual é o livro que você pagou mais barato?
Foram os 3 ebooks lançados pelo Pottermore, cada um custou R$ 7,86.


6. Qual é o livro que você pagou mais caro?
The Beauty of Darkness, paguei R$ 49,90.


7. Qual é o livro que você mais quis ou quer no momento?
Tenho uma lista bem grande de livros que eu quero, mas os que eu mais quero no momento são as edições ilustradas de Harry Potter e a Pedra Filosofal Harry Potter e a Câmera Secreta.


8. Escolha um livro e compartilhe uma história.
Eu devia ter uns 10/11 anos, que foi quando consegui um "trabalho" como assistente da biblioteca do colégio onde eu estudava. Eu passava absolutamente todo o meu tempo livre na biblioteca ajudando a arrumar os livros (e lendo, é claro), mesmo quando alguns professores estavam de greve eu ia pra escola para ficar na biblioteca. Depois de 2 anos recebi da diretora (saudades Flávia!) um prêmio por ter lido 100 livros não-didáticos disponíveis na biblioteca. Sim, super rata de biblioteca! Foi quando eu conheci e me apaixonei pela saga Harry Potter e desde então sou uma potterhead assumida.

9. Quantos livros você tem?
Preciso fazer um novo inventário porque está desatualizado, mas da última vez que contei eu tinha 118 livros impressos e 1404 ebooks. Sim, eu sou uma consumista descontrolada quando o assunto é livro. HELP!

10. Qual é o seu lugar favorito pra comprar livros?
Amazon para ebooks e Submarino para livros impressos.

11. Você tem algum livro que se arrepende de ter comprado?
Os Homens Que Não Amavam as Mulheres - Stieg Larsson. A leitura simplesmente não fluiu, sabe? Mas como é um dos livros preferidos do mozão, eu pretendo dar uma chance pro livro algum dia.


12. Mostre seu livro favorito.
Como já falei aqui váras vezes, meu favorito é a saga de Harry Potter.


13. Qual foi a primeira vez que você leu um romance?
Tenho quase certeza que foi Onze Minutos, do Paulo Coelho. Quando eu comecei a me interessar pela leitura, além de ler na biblioteca do colégio eu também pegava os livros da minha mãe para ler. E lembro que esse foi um dos primeiros livros dela que li, lá pelos meus 11 anos.

Vou deixar a tag aberta pra quem quiser responder. Depois deixa o link aí nos comentários pra eu ler suas respostas!
Carol Rocha

Carol Rocha, Grifinória, Wonder Woman, Sakura Card Captors e unicórnios. Tenho uma playlist para cada momento da minha vida, jogo The Sims™ desde sempre, coleciono livros e tarôs e sonho em ter uma biblioteca em casa. A vida pode estar um caos, mas os meus livros estão sempre organizados.

15 outubro 2017

Oi layout novo!


É isso mesmo, minha gente! Como você já deve ter percebido, o Ei Carol está de cara nova! Estou transbordando de empolgação e encantada com cada novo detalhe e é com muita felicidade que finalmente inauguro esse layout lindão do blog, que está cheio de novidades. Vem ver!

Ter um layout feito exclusivamente pro blog já estava nos meus planos faz bastante tempo, mas só agora consegui finalmente riscar esse item da Lista Infinita. E quem transformou esse sonho em realidade foi a Michelly, do blog Dezoito Primaveras.

Além de ter sido SUPER paciente (e bota paciência nisso, viu!) com todos os meus inúmeros pedidos e alterações, a Michelly foi absolutamente incrível e conseguiu transformar em realidade tudo que eu sonhei pro blog, que é o meu cantinho mais especial do mundo.

Na verdade ela superou muuuito as minhas expectativas e conseguiu deixar tudo tão fofo que de agora em diante, sempre que for mudar o layout do blog ou tiver que fazer alguma alteração é nas mãos dela que deixarei o meu bloguinho. E se você tá pensando em investir em um layout personalizado, super recomendo a Michelly de olhos fechados! E o resultado desse trabalho maravilhoso vocês podem conferir agora:

O que mudou por aqui:

Logo: O unicórnio, que virou oficialmente o mascote do blog, recebeu uma super repaginada. É pra morrer de amor não é mesmo?

Cores: A paleta de cores oficial do blog é ou não é a coisa mais fofa desse mundo? Eu sou absolutamente apaixonada por cores candy e quis manter o blog bem colorido e alegre.


Responsivo: Agora o blog é otimizado para funcionar perfeitamente tanto na versão para web quanto para versão mobile. Esse era um dos meus principais motivos para querer um layout personalizado. Agora posso dizer, sem medo, que o Ei Carol é responsivo!

Disposição dos Posts: Uma coisa que me deixou um pouco em dúvida era como seria a disposição dos posts. Sempre fui adepta dos posts completos logo na página inicial do blog, mas como alguns posts meus ficam bem grandes eu ficava preocupada em melhorar a experiência do leitor. Mas eu não curto muito o layout dos blogs com posts com "leia mais", achava que a página inicial ficava muito impessoal, sabe? E então me vi em um enorme dilema: "leia mais" ter ou não ter?

Foi então que eu tive a ideia de deixar o post mais recente inteiro e os demais em grade. O que acharam? Eu confesso que fiquei bem apaixonada com a carinha que deu, sem falar que assim fica mais fácil de visualizar os posts não é mesmo?


Reações: E agora temos reações no fim dos posts! É pra morrer de amor, gente! Esse recurso foi pensado para quem não quer/tem preguiça de comentar poder interagir e me dar um feedback rápido sobre o que acharam dos posts.

Cada pedacinho do blog teve alguma mudança, mesmo que em pequenos detalhes, como o espaço ali na lateral dedicado ao livro que estou lendo no momento, ou o cantinho dos posts mais lidos. É tudo feito com muito amor e carinho, e sinto que absolutamente tudo no blog agora tem a minha cara, a minha personalidade. E além disso tudo, também atualizei todas as páginas do menu do topo do blog, então depois passa lá pra dar uma conferida.

Então galera, vocês curtiram o resultado? Quero muito saber o que acharam! Agora eu tô super animada e cheia de ideias e muitas coisas lindas estão por vir aqui no bloguinho. Ah! Pode ser que ainda tenha alguns ajustes pra fazer, conforme o tempo a gente vai acertando as coisas, então se vocês acharem alguma coisa que pode ficar melhor, dá o toque aqui nos comentários!
Carol Rocha

Carol Rocha, Grifinória, Wonder Woman, Sakura Card Captors e unicórnios. Tenho uma playlist para cada momento da minha vida, jogo The Sims™ desde sempre, coleciono livros e tarôs e sonho em ter uma biblioteca em casa. A vida pode estar um caos, mas os meus livros estão sempre organizados.